segunda-feira, 19 de abril de 2010

Quando Partir

- Não posso simplesmente ficar aqui de braços cruzados me vendo sofrer por você; Não posso simplesmente me enrolar aqui e morrer, como se nada mais importasse, como se nada mais existisse a não ser você.
- Mas como posso fazer você parar de ficar assim? O que eu tenho que fazer?
- Fique comigo, me ame.
- Eu não posso, não posso ficar com você, porque eu não te amo - e aquelas palavras me atingiram em cheio, como socos, bem no estomago.
- Você não sabe o que está falando - eu disse.
- Sim, eu sei. Não posso enganar você. se eu ficasse com você ia ser pior.
- Você não sabe. Acho que só quando eu partir você vai perceber que gosta de mim, assim como eu gosto de você, pelo menos tanto quanto.
- Pare de falar bobagens, você não vai partir.
- Como tem tanta certeza?
- Eu não tenho. - ele disse cabisbaixo.
Você vai sentir minha falta quando eu partir? - quando eu disse isso ele me olhou impressionado.
- Não diga isso, ja disse que você não vai partir.
- Você não tem certeza disso, mas eu sei que vai sentir, você realmente vai ...


Texto repostado, para: Bloínquês

3 comentários:

  1. Que liindo!
    É sempre assim, a gente só sabe o quanto realmente gosta quando perde...

    Beijos!
    Adorei o espaço!!

    :D

    ResponderExcluir
  2. obrigada tay.
    e tem vezes que a gente perde e não pode mais ter. :(

    ResponderExcluir
  3. quando o amor não é recíproco, melhor é largar de mão...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Flickr

Link-me!



Clique para ver mais opções de buttons

Translate

Real Time Web Analytics