terça-feira, 1 de junho de 2010

O dia que mudou a minha vida

A poucos dias atrás eu e  minha família sofremos um acidente, não quero  lembrar dos detalhes, então não falarei. Batemos de frente com um caminhão e estávamos num carro de passeio. Acho que perdi a consciência com o impacto, pois só me lembro de ler a luz dos faróis do caminhão cada vez mais perto e depois acordar em um hospital. Quando acordei comecei a fazer perguntas aos médicos, afinal, queria saber onde os meus pais estavam. E foi aí que recebi a notícia que realmente mudou minha vida. Meus pais haviam morrido no acidente. 
Chorei, chorei muito. Perder os pais não é fácil. O que uma garota de 15 anos como eu ia fazer da vida sem os pais? Me sentia inútil, e com um vazio imenso. Meu Deus, o que foi acontecer?
Senti como se ali minha vida estivesse terminando, e começando outra completamente diferente. 
Agora já me conformei, afinal, não posso trazê-los de volta. Se pudesse, eu o faria. O que me resta é seguir em frente, e construir minha vida, porque sei que é isso que eles iriam querer que eu fizesse. 
É difícil aceitar, recomeçar do zero. Mas é preciso.

Fictícia.

Para: 19ª edição musical; Bloínquês.

6 comentários:

  1. que susto, achei que era real - foi sacanagem rsrs mas nossa, nao consigo nem imaginar o que seria passar por isso. Nem quero imaginar. Seria um ombro amigo para alguem que tenha passado por algo parecido, mas nunca entenderia a dor.
    Espero que meus pais partam naturalmente, pra eu aproveitar cada momento!

    ResponderExcluir
  2. Que susto +1 quando comecei a ler pensei que fosse você narrando o que aconteceu com você... ;s OMG
    é sempre bom pensarmos como seria nossa vida sem alguém, só assim damos maior valor. Mas quando perdemos pra valer, a vida nos tira, não tem outra opção, o jeito mesmo é aceitar... e recomeçar.

    ResponderExcluir
  3. É, é bastante dificil mesmo. Situações como essa, são fáceis de nos desistruturar.
    .
    Embora tenha sido o relato de algo extremamente triste, eu gostei. Talvez se tivesse deixado a gente respirar mais um pouco, tornasse tudo mais intenso. Mas eu gostei muito.

    Um Beijo

    ResponderExcluir
  4. JESUS, pensei que fosse real. mega susto! mas muito bom por sinal!

    ^^

    ResponderExcluir
  5. Olá, passando para te convidar para conhecer o Projeto In Verbis.

    http://oprojetoinverbis.blogspot.com/

    Abraços.

    ResponderExcluir
  6. nossa, AINDA BEM que não é real. eu também tenho medo de quando essa hora chegar, não quero perdê-los. :(

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Flickr

Link-me!



Clique para ver mais opções de buttons

Translate

Real Time Web Analytics