sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Dos casos de Liz - terror aquático


Passou o dia tentando não pensar. Quando não estava com a tevê ligada ouvia música, via vídeos na internet, lia jornal, voltava a ver televisão. Tentou até fazer tudo ao mesmo tempo, apesar de saber que era inevitável não ter um momento pra pensar. A manhã passou e a tarde já começava a se despedir quando ela resolveu ir tomar banho. Tentou lembrar-se de algo que ainda não havia feito para se auto-sabotar, mas nada veio à sua cabeça. Vencida pelo cansaço de procurar desculpas, separou as peças de roupa que levaria até o banheiro, enquanto aqueles pensamentos malditos tentavam sair da caixa que ela fez questão de trancar.
Ligou o chuveiro, despiu-se e entrou debaixo d'água. A música que tocou no rádio de manhã e não saía da cabeça resolveu descer pela corrente sanguínea e antes que ela pudesse evitar, já estava saindo de sua boca. Cantou a primeira estrofe, o refrão e repetia continuadamente o verso que mais doía.
Inevitavelmente a caixa se abriu. A letra da música se entrelaçou com seus pensamentos e com as lembranças do sonho da noite passada. Num gesto desensofrido girou com rapidez a torneira da água quente, acreditando veemente que a temperatura da água queimaria aqueles devaneios ilusórios. Fechou os olhos, prendeu a respiração e mergulhou seu rosto na água achando que ela lavaria toda a sua alma. Num misto de vapor e água quente, sentiu uma gota fria e salgada se misturar em sua face.
Voltou a afastar seu rosto da água, respirou fundo, colocou os pensamentos novamente na caixa e prometeu trancá-la. Jurou. Disse para si mesma que nunca mais pensaria nisso, nisto ou naquilo. Naquilo que fazia seu coração bater descontroladamente, que fazia seu corpo liberar adrenalina suficiente para mil mergulhadores desbravadores de mares. Naquilo que parecia fazer questão de tirar sua paz desde que tinha invadido sua vida.
Nele.

I'm tripping on words, you got my head spinning 
I don't know where to go from here 
(You and me - Lifehouse)

Sabe quem escreveu esse texto? Foi a Cat Campos do Doce Ilusão, ela mandou o texto dela pro SEU TEXTO NO BLOG, se você quiser ter o seu texto postado aqui é só clicar ali em "Você no blog" e ler as regras. Os melhores textos são postados aqui, então caprichem ♥

17 comentários:

  1. Olha eeu :D Adorei ver meu texto aqui Ludmila, obrigada!
    Beijos, Cat.
    www.doceilusao.com/

    ResponderExcluir
  2. nossa adorei o texto foi muito top, amei.

    visita se quiser↓
    blognew-girl.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Cara, Adorei o Texto, escreve muuito, muito bem mesmo *o* Flor, estou adorando seu blog, conheci hoje e já me apaixonei, rs' Eu também sou meiga *w* Porra ! u_u

    siteiloveit.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Nossa amei esse texto, ela é muito talentosa
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. WOOOOOOOOOOOOOOW, muito bom o texto. Caraca ficou divã ♥
    http://garotamuitotimida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que lindo! E o final, tão fofo, tão eu...

    http://florescerepalavrear.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Adorei! Costumo passar por isso de vez em quando e reajo do mesmo jeito, SHAUAH :/
    Beijos ♥

    Conspirantes

    ResponderExcluir
  8. Nossa, que lindo o texto! Adorei, a Cat escreve muito bem mesmo, e adorei o quadro!
    Ótimo post!
    Beijinhos :*

    PiinkCookie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Muito lindo o texto!!
    bejoss



    designermaniagiovana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi, que lindo o blog. Muito criativo, designer muito bom, tudo perfeito.
    e o texto, muito bom mesmo!!
    Estou seguindo se blog, da uma olhadinha no meu, se gostar segue também.
    Beijos Cherry.

    pimentaavermelha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Que lindo o texto! Essa menina tem talento, hein!?
    Beeijos e já viu o novo post no blog?
    Batom De Framboesa

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Flickr

Link-me!



Clique para ver mais opções de buttons

Translate

Real Time Web Analytics